12 mil crentes encheram Estádio do Jamor


Testemunhas de Jeová têm mais 67 novos fiéis. Os baptismos ocorreram ontem, no Estádio do Jamor, durante o encontro de três dias que termina hoje. A mensagem continua porta a porta

Catarina responde com um “ui…” à pergunta sobre o que mudou na sua vida desde que entrou para as Testemunhas de Jeová. “Tanta coisa… O mais importante foi o autodomínio.  Era muito impulsiva. Agora, passei a ter mais cuidado com as minhas acções. Antes de falar, penso se vou ofender a Jeová”, diz, embrulhando-se na toalha e ainda com água a escorrer pelo corpo.
De unhas e olhos pintados, a jovem de 28 anos acaba de sair da piscina montada no relvado do Estádio do Jamor. Aí, com a ajuda de um irmão, foi imersa na água, perante o olhar de milhares de pessoas e muitas máquinas fotográficas. Após um caminho de reflexão e estudo bíblico aprofundado, feito nos últimos meses e que a conduziu à conversão, a cerimónia de baptismo agora realizada é a confirmação pública dessa fé interior.
Como Catarina Ferreira, técnica administrativa de Lisboa, mais 66 pessoas receberam ontem o baptismo. Debaixo de chuva, e de fato de banho vestido, os candidatos a Testemunhas foram entrando, um a um, na piscina para o acto de imersão. Antes, entoaram-se cânticos e proferiram-se, em voz alta, palavras de compromisso: “seguir Jeová para toda a vida”.
Nas bancadas do estádio, vestidos a rigor, familiares, amigos, crentes ou meros simpatizantes , – 12 mil pessoas no total -, assistiram ao alargamento da comunidade que tem crescido todos os anos, de forma sustentada.
Hoje há cerca de 50 mil Testemunhas de Jeová em Portugal, embora nos encontros anuais realizados por distrito cheguem a participar 80 mil, avança ao DN, José Alberto Catarino, da organização do evento de Lisboa que hoje termina. Metade tornou-se crente porque cresceu num contexto religioso e veio pela mão dos pais. Os outros tomaram contacto com a religião pela pregação feita pelos fiéis, que continua a ser feita de porta em porta.
Catarina conhecia as Testemunhas de as ver entrar no salão do reino que fica perto da sua casa e do pouco que uma amiga lhe contava, sempre que lhe dava essa oportunidade. “Já tinha curiosidade e queria confirmar a verdade através da Bíblia. Por isso, quando me foram bater à porta, já tive outra receptividade”, conta ao DN. Após o estudo bíblico feito com os irmãos mais experientes, começou a frequentar o salão do reino e a aprofundar a sua conversão.
“Era uma católica não praticante. Agora sou uma Testemunha de Jeová. Aqui ou se é, ou não se é. Não se pode ser não praticante”, explica, referindo as idas semanais à congregação a que pertence para rezar e estudar a Bíblia e as visitas que começou a fazer, de porta em porta. Aos vizinhos que procura, Catarina deixa mensagens de esperança e conforto e escuta os desabafos de vida. Tal como Jesus Cristo recomenda que se faça, explica, citando a Bíblia.
“Ouvimos as pessoas falarem dos seus problemas, como o desemprego, a morte de um familiar ou uma doença”, conta, sublinhando que, ao início, teve receio de ser mal recebida. E depois, acrescenta, “propomos” a mensagem da Bíblia onde Jeová fala do fim dos tempos .
“Um tempo que, segundo a leitura das profecias bíblicas, está para breve”, acrescenta José Alberto Catarino, esclarecendo que não se trata do fim do mundo, em si, “mas da forma como a sociedade está estruturada”.
Em tempo de crise económica e conturbações sociais, as pessoas estão sedentas de espiritualidade e tendem a procurar respostas, explica José Catarino. “Mas também acontece o inverso. Os que tentam esquecer os problemas e gozar a vida ao máximo”, conclui.

Link original: http://dn.sapo.pt/inicio/portugal/interior.aspx?content_id=1323861

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: